quarta-feira, 29 de março de 2006

ARGHT!!!!!

É só eu ficar longe desse bloguito e ele ja desanda!!! Cade minhas flores que estavam aqui?!

Normalizando:

  • Escutar rádios paulistas e falar com o japa fofo me ajudam a treinar meu sotaque;
  • Terminei a edição do vídeo;
  • Amo as pessoas! Elas são absolutamente indecifráveis.

sexta-feira, 24 de março de 2006

Argth!
Que dia apoteoticamente caótico.
Níveis de humor baixíssimos, conversas extremamente estranhas com a familia, quebra pau com meu love (...) e a constatação de que sou absurdamente chata e antipática...vou ver o desenho do galinho e comer pizza com meus amores...bjo

segunda-feira, 20 de março de 2006

Sim! Sim!
Um cliente disse que a empresa dele mudoud e pique depois da minha consultoria grafica e de verem o site pronto! Há uma luz no fim do túnel...ou túneo...tô super fora hoje...

Vou contratar a minha irmã como minha secretária! Brilhante idéia!

Vou ao treinamento...bjoco
Minha vida de workahollic me faz ficar fora da realidade muitas vezes.
Ontem contrarie alguns ideais disciplinares adquiridos a duras penas nos internatos por mim frequentados e me dei uma folga. Acertei uns trabalhos urgentes e até consegui assistir filme a noite.

É engraçado como a Net passa a ter um papel diferente do antigo e o computador se tornou algo extremamente enfadonho quando não se trata de criação e execução de projeto.

Descobri Paloccinho ferrado...achei ótemo de certa forma pois alguém tem que parar essa familia toda. E vi que o Garotinho vai ser o candidato à presidencia...já era de se prever pois o Brasil é pop e vai pelo apelo da mídia e, sejamos realistas, o Rigoto é um cara nada "nacionalmente" conhecido nesse Brasil. Num da pra competir com a POPularidade do Garoto...péssima popularidade em boas áreas do nosso país...mas é conhecido...triste dizer isso...mas é fato...mais um melecão para candidato.

Buenas...acho que por motivos "tpêmicos" estou "irritadinha". Mas a preocupação é maior do que a irritação. Ando seriamente pensando que meus trabalhos e todo esse volume e a visibilidade que tenho se tornam tão pequenos quando vejo Pameloca fazendo a mesma via em Sampa que eu fiz a tempos atrás, andando num vale absolutamente inóspito e desconhecido, e não poder fazer nada. Eu fico profundamente impotente e me sinto realmente mal em ver a minha irmã também ralando horrores e a Pam...e eu gastando dinheiro com coisas relativamente superfluas e não vitais.

Gasto muito com estética, com esporte, agora psicóloga. É engraçado como a gente adquiri rápido prioridades que, em outra situação seriam deletadas da lista.

O sacal é se dar conta de uma série de coisas para pagar que seriam supérfluas para essas pessoas que me preocupo...mas por outro lado todo mundo tem que passar pelo seu vale de sombras um dia...Eu me lembro dos meus dias de luta para me "emancipar" de mim mesma e sei que foram cruciais para a lapidação do meu caratér.

Meu shugio ocidental...sei lá...me sinto mal...me incomoda essa diferença...tenho vontade de ajudar mas ao mesmo tempo acho que invadiria um processo de crescimento delas...putz...
Acho que vou gastar menos e ser mais comedida...não sou uma pessoa que se pode dizer "consumista compulsiva"...loooonge disso...mas sei lá...É uma sensação horrível de abrir o armário e ver coisas q essas minhas duas irmãs não tem. Sei que é por hora e que também tenho ajudado como posso...sem atrapalhar o caminho delas.

O desvincular da familia e o buscar seus proprios caminhos para alguns é extremamente doloroso...na real...não queria que ninguém passasse por essas coisas...sei lá...acho que sou infantil demais...isso é pensamento de quem vive ainda no mundo do Bob...
Ando repensando meu design pela "nhenhenhézima" vez e acho que sofreu uma queda de qualidade devido ao excesso de trabalho. Decidi que em abriu vai ser tudo diferente.

Decidi que sou uma pessoa apaixonada...sei que esse tipo de coisa não se decide...simplesmente se está ou não está...mas meu temperamento me faz burlar essa regra sem exceção. Agora vivo um momento "frufru"...sei lá até quando...mas tâmo ai.

Repenso também meu treino de jojutsu...me sinto o maior peixe fora da agua dos ultimos tempos. Lá cai tudo: ser paulista, ser menina...confesso que toda vez que saio do Dojo repenso se estou com os neuronios "OK". Mas eu gosto tanto. Num adianta, sou particularmente fora de padrões. Acho super bocó ficar indo a aulinhas de bodyjump. Num tenho paciência com Patys...sem condição! Por mais que todo mundo fale que eu também sou paty eu não aceito...hihi...sou uma paty radical se for para rotular.

E depois que mudei para o jo parece que to pegando mais os movimentos...ajuda também o fato de estar sem xandeco por perto. Adoro ele...mas a concentração da nossa dupla era zero...definitivamente.

Sei lá...as vezes...alias, todas as vezes me pergunto porque jojutsu, kenjutsu...e a resposta é sempre a mesma: Sei lá por quê. Sei que me faz bem, cria coragens dentro de mim que eu não conhecia, treina uma certa firmeza que preciso para o meu dia a dia no meio dos meninos (trampo óbvio).

É esquisito sintetizar os motivos...acho que me resgata uma força extremamente importante para meu dia a dia. Acho que por isso ignoro algumas conclusões que eu mesma faço a cada dia de treino...mas bem que podia ser menos dispendioso...hihi

Sei lá...hoje estou extrema em reflexões bocós...e não vou corrigir o texto.

quinta-feira, 16 de março de 2006

Ainda bem que você vive comigo por que senão, como seria essa vida:Sei lá, sei lá.

Nos dias frios, em que nós estamos juntos, nos abraçamos, sobre o nosso conforto de amar.

Se há dores, tudo fica mais fácil, seu rosto silencia e faz parar, as flores que me manda são fato, do nosso cuidado e entrega.

Meus beijos sem os seus não daria, os dias chegariam sem paixão. Meu corpo sem o seu, uma parte...Seria um acaso e não sorte.

Neste mundo de tantos sonhos, entre tantos outros, que sorte a nossa, hein?
Entre tantas paixões, esse encontro nós dois, esse amor.

Entre tantos outros, entre tantos anos, que sorte a nossa, hein?

quarta-feira, 15 de março de 2006

Ai...comi pastel...muitos...ai...

Venho aqui hoje render agradecimentos a cafeína na minha vida. Por causa dessa descoberta maravilhosa eu consigo dormir apenas 6 a 7 horas por noite, acordar e deixar o "dragão do sono" que existe em mim dentro de casa brincando com as meninas e, assim, salvar meu dia com sua tripla jornada de trabalho.

Em Abril acaba...assim espero. Ou não...mas o importante é que eu estou acordada e de bom humor...tipo...nem tanto...a tpm me deixa meio "jururu"...
Mas o fato é que a cafeína tem me ajudado. Brinco com as bebês (Boolie e Pepa) e não tenho surtos de irritação característicos de sono.

Falando em bebês, a Pepa parece comigo também! Dizem que a gente tem semelhanças com os bichin da gente e sinceramente ser parecida com a Boolie Boolie ninguém merece.

Olha só:
Boolie - Estriquinada, tensa, absolutamente e irritantemente bem humorada, xeretíssima, esperta (isso eu tb sou), morde-morde crônica, amiga (eu tb!), bagunceiríssima e ciumentérrima.

Pepa - Sossegada, dengosa, fofa (eu sou fofa),preguiçosa, brincalhona, curiosa, faladeira.

A Pepa é uma santa para aguentar a Boolie todos os dias...e...se tem alguma coisa a ver que os bichos tem semelhanças com a gente...infelizmente sou a Boolie versão gente com uma pequena troca de "ciumentérrima" para "possessivérrima"e sem versão "morde-morde"...saudades das minhas meninas

Hummm...a Glau-glau apareceu no msn! Que saudades dela e do Daniiiiii..preciso ir para sampa urgente! Se bem que ela tá em Rio Preto...mas o fato é que o Fabiolo precisa saber disso!
Falando em sumidos ontem falei com o Dani (o da facu, não o da Glau) e foi muito legal.

Adoro quando dizem que me amam! Isso sinto falta dos meus amigos de verdade...para a gente era tão simples se gostar e dizer isso...parece até meio ingênuo...mas é uma forma de realmente trocar...Saudades disso...sei que dia a dia perco essa sinceridade...tenho medo de perder com eles também...

Buenas...vou trampar e trampar e trampar...queria muitíssimo uma mochila da Intel...muito muito...ela é perfeita!

Viu só...estriquinada...efeito da cafeina no corpo...aiai...

segunda-feira, 13 de março de 2006

Tem um sério problema técnico na minha resolução de ano novo relativo a "loves".

De repente a configuração...

Esvaziando o meu pequeno coraçãozinho de plush cor de rosa ele desnorteia e vai justamente bater na porta errada.

Na verdade é um problema de logística mesmo.

domingo, 12 de março de 2006

Ai...passei o dia na UFRGS e atrasei tudo...mas foi legal ir lá...um domingo trocando idéias com pessoas de verdade e trabalhando...nada de trabalhar no micro e trocar idéias no msn...Muito bom...cheguei as sete lá e sai as nove da noite...produtivissimo!
Tô podre...vo naná...Fim de semana muito fofo.

sábado, 11 de março de 2006

Muito bom o dia! Consegui finalmente me concentrar no treino e foi muito bom! Amei a mim mesma! Hihi...a única coisa que definitivamente não posso mais fazer é passar esmaltes na unha do pé...sai tudo...tsc...tsc...mulheres samurais são complexas.

Limpei a casa "uper maxi limpus"(hihi...) e agora vou comprar um leite para minhas vitaminas. Descobri que estou com um rombo na minha conta bancária pois sou uma "topeira sindicalizada" mas semana que vem preciso resolver isso senão "cheques vão voltar".

Vou usar o plano B e terminar esse fim de semana o site da unidade. Cansei de depender de programação...arght! Amanhã tem vestibulinho lá no CEUE...havia me esquecido completamente...na real não havia me esquecido, estava confundindo as datas...coisa de "topeiras sindicalizadas" mesmo...

Liguei meu "émule" e estou baixando os "aristogatos" para meu sobrinhofo conhecer o desenho que embalou a minha e a infância da minha irmã. E umas musiquinhas também. Estou muito animada hoje...embora tenha descobertos mais coisas esquisitíssimas a meu respeito na psicoterapia, por outro lado concentrei no treino...isso é uma master vitória...hihi

Num vou badalar esse fim de semana (como quase todos) pois tô com saudades da minha paz doméstica...muito embora a Boolie e a Pepa insistam em acabar com ela...bom...vou lá no mercado pois a noite se aproxima e sei lá...blableblis e é assim mesmo...;)

Hum! agora aboli de vez o esquecimento e regredi uns bons 20 anos no que diz respeito a marcação de lembretes. Larguei computadores e celulares a gora só no papelzinho...tá funcionando horrores!

O único grande problema é a quantidade de lixo aumentando significativamente nas minhas bolsas...cada uma delas tem uma média de 20 papeiszinhos soltos, fora o lixo que não jogo na rua e os comprovantes do visa eletron...deveria usar apenas uma bolsa...

Precisam sim inventar uma bolsa coringa que combine com tudo! Já pensou?! E tinha que ser da adidas.

Agora fui...tagarelando e caminhando...

quinta-feira, 9 de março de 2006

Uma música e uma foto hoje...

Mais um ano que se passa, mais um ano sem você. Já não tenho a mesma idade, envelheço na cidadea vida é jogo rápido para mim ou prá você.

Mais um ano que se passa e eu não sei o que fazer!Juventude me abraça,e um ano pra esquecer, um feliz aniversário para mim ou prá você...

Feliz aniversário - envelheço na cidade

Meus amigos minha rua, as garotas da minha rua, não os sinto, não os tenho... mais um ano sem você!

As garotas desfilando, os rapazes a beber. Já não tenho a mesma idade, não pertenço a ninguém.


Ando ouvindo as rádios de São Paulo ultimamente...as músicas que tocam nos dials da minha terra tem um "quê" de personificação de todos os meus humores. Sim, sinto muita falta da minha terra cinza, oca e cheia de oportunidades.

Mas é engraçado que hoje percebo a distância que ela tem da minha realidade cotidiana. Ela se encaixa perfeitamente em visitas e férias na caótica metrópole mas uma vida lá creio não ter mais.

Há tanto a ser desvendado aqui ainda, tantos mitos a cairem e tantos sonhos a se realizar que acabei me acomodando a essa intensa gama de novidades que hão de vir. Tenho medo dessa maré de tranquilidade caótica, dessa estranha calma dentro do olho do furacão. Na verdade o medo maior é me acostumar mal e folgar, deixar o "alerta" de lado e perder a força.

Perdi meu amor relativo e aparentemente único. Não que eu já não tivesse essa certeza, mas o dia a dia me mostrou realmente que ilusões são bolhas finas de sabão ao céu, num pequeno minuto o belo se desfaz e a paisagem segue como se nada tivesse acontecido.

Começo a pensar se foi o fato de desistir da volta à capital, que o deixa idealizadamente distante dos meus olhos mais comuns ou o fato de que nada daquilo que pensava sentir era maior que ilusões infantis dentro de uma mulher. Somos amigos, talvez, num futuro próximo sócios...isso me soa frio. Mas não tenho bases para acreditar que isso é mais que "arquétipo".

Não entendo. Amanhã terei outros amores verdadeiros que se dissolverão como bolhinhas de sabão? Tenho medo de crescer. Não consigo medir as possibilidades irreversíveis da realidade...sei lá...vou viver meu caminho atrapalhadamente como sempre. Acho que tenho que crescer para muitas coisas e dentre elas eu mesma.

Desisti de viajar, ano que vem quem sabe faça uma especialização em São Paulo mesmo, lá na Panamericana. Agora quero focar meu carro e o jojutsu. No kenjutsu estou me programando para ir 2x por semana...e o carro to querendo perder o medo dele.


quarta-feira, 8 de março de 2006

Prometi para mim que iria escrever alguma coisa aqui antes de iniciar minhas atividades profissionais diárias.

O dia está cansativo...como todos os outros e minhas mini-férias parece que não surtiram efeito.
Hoje na madrugada, antes das malucas Boolie e Pepa começarem a destruir meu lar (acordei com o mouse velho dentro do banheiro...não entendo como elas conseguem pegar coisas "tão nada a ver"), sonhei com eletrodomesticos a noite toda.

Comprava as coisas mais modernas em matéria de utensílios para cozinha...foi engraçado. Aliás, meus sonhos estão ultimamente domesticos e cotidianos. As vezes montam-se em minha mente em vigilia, várias histórias completas e descomprometidas com qualquer coisa. Exatamente como Freud e Yung já descreveram.

Só uma coisa me preocupa seriamente: Minha memória em lapsos. Acho que é fruto de tanta informação que tenho colocado nessa minha cabeça e de tantas readaptações que estou fazendo...acredito que passe...tem que passar.

Vou tentar treinar 2 vezes por semana pois revigora meu espírito...muito embora esteja com vergonha pois o Gramos ainda não me entregou o admin do site do Niten...eu deveria ser menos teiomosa e executar o plano B. Mas se hoje vierem novas desculpas vou engolir a teimosia e botar esse site no ar antes de sábado.

Ainda estou lembrando do meu niver. As fotos chegaram...adorei. Me achei bem bonita e coloquei no orkut as fotos com meus amigos. Caramba...se eu e a Josi não tivessemos amigos em comum, me dei conta de que dos meus convidados foram apenas 4.

Sabe o que isso significa nítidamente? Minha pouca vontade de me comunicar com o outro culminou nisso...de 40 pessoas q convidei de forma extremamente "blasé", apenas 4 foram. Ainda não tô muito a fim de trocar idéias.

Ainda bem que minha psicologa me ligou...já estava me sentindo carente...fui.

domingo, 5 de março de 2006

Cansada pra caramba. Prazos estouradíssimos, meus "fornecedores" criando um caos que contribui para o "estouro" dos prazos...complexo quadro...preciso dormir.

Ontem teve festa de niver. Muito bacana, cantei com a banda do Cassio...muito trash pois há muito não usava esse recurso adicional q tenho...ainda mais eu perfeccionista pra caramba...mas tudo bem.

Acabei não indo a igreja como havia prometido a minha irmã...fui fazer as unhas para a balada da night...ai...ridiculo eu saindo da manicure parecendo um robo de dedos espalhados e andar aberto...é nitido quando faço as unhas pois fico uma pastel desfilando na rua. E fui tirar dinheiro no banco...melequei uma...fui no treino...melequei duas do pé...desisto de fazer as unhas...sou muito descoordenada...uó

No mais tudo na mesma...na verdade não. Tem coisas mudando por aqui...e por isso a incrivel sensação de estouro de boiada em todos os sentidos. Esquisito...muito esquisito...mas to bem...

Só preciso dormir um pouco pois a festa e a Boolie comendo planta venenosa na madruga (me que ex chefito abominável me deu de aniversário...praga meu...só pode ser praga dele...até longe é bélico...eita)...a não...minha Boolinha morrer não era...mas ai o super Edelmarzinho salvou minha madruga...achei tão fofo...alias...ele é sempre muito fofo...gente...descobri que adoro ele! Adoro adorar as pessoas! em tempo de secura emocional adorar alguém pra mim é uma honra!
Mas ele é bem fofo mesmo...o jeito q ele olha p mim é o mais fofo de todos...aiquebom...adoro alguém!

Comprei uma geladeira bonitoca e um liquidificador bonitoco...minhas idas a minha irmã sempre me trazem nostalgia e uma certa necessidade de cuidar do meu lar... Já posso devolver o frigobar da Josi renata (que também adoro)...me dei conta q sou muito desleixada com meu lar...quase um ano sem geladeira...tsc...tsc...ganhei um quadro da hello kitty!

Renatito online...vou trocar idéias com ele...Beijocas