quarta-feira, 31 de dezembro de 2008


Hoje eu plantei camomila em dois vasos laranjinhas que eu tenho...eu os tenho pois na verdade não sou uma boa "jardineira"...mas tenho um cactus.

Também comprei rosas e uma outra flor de nome complicadérrimo mas com as cores e caules mais lindos que eu já vi...mas vamos falar da camomila...eu gosto especialmente da camomila desde pequena. Lembro de litros de chá de camomila que eu tomava na minha mamadeira, lembro do cheiro de infancia e da sensação de proteção que ela me traz.

Este ano a camomila foi bem importante para mim nas minhas questões de terminos profissionais...eu tinha um grande pote cheeeio de camomila na minha mesa de trabalho, junto com minhas turmalinas e o mais bacana é o cheirinho de proteção que eu sempre sentia.

Camomila me lembra casa, conforto e "equilibrio". Eu sei que qualquer manual de plantas mágicas e ervas não irão encontrar nada parecido com estas minhas "lembranças" mas para mim a camomila e a canela tem as propriedades normais e são acrescidas das minhas impressões.

Espero que minha plantação dê super certo e em um mês eu já possa ter pequenos pezinhos de camomilas nos meus vasos laranjas.

Hj é o último dia do ano do calendário cristão...fico impressionada com o clima todo...a TV fica diferente, minha terra querida (sampa) fica vazia e o litoral vira uma extensão da mesma...em Poa também fica assim.mas é diferente...sinto-me saudosa da minha terra especificamente hoje.

Então o Senhor 2008 já está levantando acampamento...gostei tanto deste ano q dá vontade de abraçar tããããão forte e beijocar as bochechas dele até ele sair correndo de tanto carinho...tipo aquelas crianças que são atacadas pelas tias gordas e chatas...

2009 vai ser diferente...ele me assusta mas eu acredito que será um ano tão grande e tão cheio de delicadas nuances como foi 2008...minhas resoluções...hum...xovê...

Vou dividi-las em tipos.

Resolução tipo prática:
  • Economizar
  • Aprender a trocar corretamente a marcha do carro
  • Caminhar religiosamente 3x por semana
  • Fazer almoço decente e no horário

Resoluções tipo teóricas:
  • Viajar pelo menos uma vez por mês nem que seja dentro do estado
  • Dormir fora do horário comercial
  • Meditar todos os dias
  • Não me irritar com perguntas idiotas

Resoluções tipo esotéricas:
  • Entender meus sonhos como sinais claros e evidentes
  • Ter mais compaixão pela discrepancia evolutiva de todos nós
  • Amar
  • Ser leve de energia sempre. Haja oque houver

Resoluções tipo lúdicas:
  • Aprender italiano
  • Aprender a jogar damas
  • Pular de paraquedas
  • Conversar com pessoas beeeem mais velhas

Resoluções tipo porra-loca:
  • 140km na freway
  • Pular de paraquedas (no sentido born to be wild)
  • Namorar sério
  • Sair do país sem dinheiro

Resoluções tipo universal:
  • Ser consciente
  • Ser energética
  • Ser fluida
  • Ser feliz
Gooood vibrations para todos nós...sempre e tanto...tanto quanto quisermos e intentarmos!

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Morre lentamente


Morre lentamente quem não viaja,quem não lê ,quem não ouve musica,quem não encontra graça em si mesmo.

Morre lentamente quem destroi o seu amor proprio ,quem não se deixa ajudar.

Morre lentamente quem se transforma em escravo do hábito ,repetindo todos os dias o mesmo trajeto,quem não muda de marca , não se arrisca a vestir uma nova cor , ou não conversa com quem não conhece.

Morre lentamente quem faz da televião o seu guru.

Morre lentamente quem evita uma paixão,quem prefere o negro sobre o branco,e os pontos sobre os iss em detrimento de um redemoinho de emoções, justamente as que resgatam o brilho nos olhos, sorrisos dos bocejos,corações aos tropeços e sentimentos.

Morre lentamente quem não vira a mesa quando está infeliz com o seu trabalho, quem não arrisca o certo pelo incerto para ir atrás de um sonho , quem não se permite pelo menos uma vez na vida fugir dos conselhos sensatos.

Morre lentamente, quem passa os dias queixando-se da má sorte ou da chuva que cai incedssante

Morre lentamente quem abandona um projeto antes de iniciá-lo , não pergunta sobre um assunto que desconhece ou não respondem quando lhe indagam sobre algo
que sabe.

Evitemos a morte em doses suaves, recordando sempre que estar vivo exige um esforço muito maior que o simples fato de respirar.

SOMENTE A PERSEVERANÇA FARÁ COM QUE CONQUISTEMOS UM ESTÁGIO ESPLENDIDO DE FELICIDADE.

Pablo Neruda

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

fui caminhar minha noturna e taciturna caminhadinha básica por vias escolhidas a dedo para não ficar disputando calçada com ninguem...hj especialmente sai feia...cabelo lambidão para tras e a maldita tictac prendendo a franja que, convenhamos me dá ares evangélico-pentecostal...nada contra aos adeptos mas em mim não fica muito bem este look...

pois bem caminhando minha rua escondida me deparo, na esquina dois implacáveis reporteres esperando suas vitimas...fiz uma analise mental de mim para ver se seria escolhida: camiseta velha, tenis, cabelo horroroso, oculos torto, sem meus aneis e pulseiras, nem protetor nos labios...é...entendi que pelo meu look frankstein seria a escolhida...comecei a rir sozinha e lá fui eu dar a entrevista...

...era para falar do Lula e do posicionamento dele ante a crise economica mundial...tô suuuper por dentro do posicionamento dele...sou extremamente apolitizada...ok...disse umas frases de efeito e com efeito se fizeram...

...continuei caminhando e dando risada e esperando q meus fãs não me vejam...que viagem...

sábado, 6 de dezembro de 2008


Minha carta do dia no tarô é o Eremita...é uma carta de introspecção, auto descoberta....é tipo uma carta que te inspira a olhar para dentro...e eu confesso que preciso olhar para dentro com certa urgência...dormi com minha pedra nova e minha turmalina...alias as duas...turmalina negra chamada boolie-boolie e a pedrinha....tô super fooora da casa e preciso entrar nela com velocidade super sônica...ontem eu estava muito desorganizada nas energias e isto não é adequado...

aiai...tô como sono ainda e com dor de cabeça por causa das misturadas da night de ontem...hj não queria sair de casa mas tenho um niver de uma amiga q nem mora mais aqui e veio especialmente para comemorar o niver dela...preguiça e necessidade de entrar na concha...depois eu volto...

quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

Comprei um vestido. Desses vestidos que todas as mulheres ligadas na moda provavelmente compraram também...mas eu não sou ligada a moda porém comprei...na verdade oque me atraiu nele quando o vi foi a possibilidade da liberdade...ele é extremamente longo e fluido...e fica mais longo ainda porquê sou baixinha...pois bem...é um típico vestido de verão...embora a temperatura esteja baixa por aqui...tem uma chuvinha lá fora que me convida a tirar os cobertores do armario... e hoje a noite a previsão é de 15º...

...mas falando do vestido foi muito engraçado comprá-lo...tive que trabalhar umas 5 horas a mais para poder comprar sem peso na consciência...ou quase sem peso...enfim...no começo da semana estava em crises por causa do término das atividades em São Leopoldo e resolvi sair caminhando contra o vento...deveria ter ido à favor do vento pois acabei caindo dentro do shopping...

...fui lá e peguei dezenas de vestidos para experimentar na certeza de que nenhum serviria ou ficaria bom...todos serviram...e quase todos tinham 3 digitos...fiquei intrigada com o destino das coisas...da moda...da numeração dos vestidos...

...ai me apaixonei por um determinado...coloridiiiissimo e cheio de flores (o que definitivamente não é minha cara) mas com bastante verde, que é uma cor que eu gosto bastante....enorme em largura e comprimento...vou ter que usar com salto ou cinto...mas seilá...foi um rompane perua da minha parte mas no dia que experimentei não estava segura de que deveria comprá-lo mas ontem, fui atrás dele e deu tudo "consumistamente" certo...

Uma pena que a temperatura não esteja favorável mas mesmo assim estou vestida com ele e um casaquinho...num gosto de ficar estreando roupas em ocasiões especiais...eu preciso impregná-las com a minha energia imediatamente após a aquisição...então...descabelada, com havaianas, oculos, vestido de verão novissimo e casaqueto de inverno...essa é a Iris...