quarta-feira, 3 de junho de 2009

Para o dia dos namorados...
IDA:


"Hoje pensei em você como a muito tempo não pensava sabe...de uma forma tão confortante que acho que por momentos vc se tornou o meu bálsamo de um dia tão conturbado.
É engraçado como o tempo passa e as histórias também... mas há algum lugar dentro da gente que não apaga as sensações...e inúmeras vezes você me trouxe ótimas sensações...com e sem censura...hehehe
Sei lá...me deu saudades de falar com vc porque sempre me dava a sensação de ser importante naqueles minutos e sabe...acho que é isso que todos nós gostamos de ter: atenção...e você sempre me deu muita embora ultimamente nossos caminhos já separados não conseguissem tempo para isso...nem eu te dar a atenção que vc queria e nem vc para mim...
Depois da sensação terna e confortante eu pensei: "que droga...todo mundo que eu gosto vai para longe..." Lembrei de Omã...Omã...esse intruso nos meus pensamentos bonitos...Confesso que dei uma choradinha...hum...na verdade um choradão pois acho que o dia de hoje foi bem impactante e acabei descarregando a emoção na lembrança confortante...
Mas, segundos depois não pude deixar de sorrir e lembrar que, de alguma forma, em outros lugares, ainda com corpos distantes um do outro eu fui sua e vc foi meu...e isto foi a lembrança mais doce para começar meu sono.
Saudades...hoje maiores do que nunca.
Bjo...
Iris
PS: acho que ainda te amo..."

VOLTA:

"
nao sei quando tu vais entrar aqui, mas o e-mail que mandasse foi a coisa mais bonita que ja recebi....quero muito falar contigo....quando der, entra no msn e no skype, quero poder te ver....

nao sei porque, mas eu ainda te amo, e amo muito..., e daria um dedo para te fazer feliz, em todos os sentidos....

do teu

Lu"

Postagens relacionadas

4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Por favor inscreva-se para receber as ultimas postagens no e-mail.