terça-feira, 1 de março de 2005

My gift is my song... and this one's for you
And you can tell everybody that this is your song
It may be quite simple, but now that it's done
I hope you don't mindThat I put down in words...

How wonderful life is now you're in the world
I sat on the roof and I kicked off the moss

Well some of these verses, well they've,they've got me quite cross
But the sun's been kind while

I wrote this songIt's for people like you that keep it turned on
So excuse me forgetting, but these things

I doYou see I've forgotten if they're green or they're blue
Anyway, the thing is, i really love you
Yours are the sweetest eyes I've ever seen

"...Eu não sei como chama isso que acontece aqui dentro cada vez que posso sentir as vibrações tuas a pequenos centimetros apenas.
Das poucas coisas que sei, apenas posso defini-lo como importante, antigo e mágico.
Eu não sei como denominar isso que sinto cada vez que nossos olhos se cruzam e o sorriso brota initerrupto, real e particular.
Daquilo que aprendi, certamente nada explicaria os pensamentos cruzados, as historias reencontradas e o conforto que sentimos quando estamos juntos.
Se isso é amor eu não sei. Mas, certamente é o mais perto que nós sequer um dia, pensamos chegar..."

Postagens relacionadas

4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Por favor inscreva-se para receber as ultimas postagens no e-mail.