sexta-feira, 18 de março de 2005

Antes da minha súbita vinda a esta pequena cidade havia uma sensação incomoda me rondando: A pulga atrás da orelha.

Hoje estou com a mesma sensação com o adendo de não ter idéia de que se trata e me deixa emocionalmente confusa...É fato que, sempre que essa pulga resolve aparecer e ficar no "blábláblá" comigo, algo de definitivo está para acontecer.

É como se eu me preparasse organicamente para uma modificação física, psicológica, moral...sei lá...acho que isso deve ser a tal de intuição feminina.

Tô esperando a coisa serenar dentro de mim, coisa essa que nem sei do que se trata, para tentar enxergar aonde é a "coisa modificada".

Na boa, me encomoda deveras essa sensação de "suspenso" que me acorre. Não curto essa pulga inconveniente porque ela pressageia coisas que são bacanas, mas complexas demais...sei lá.

Preciso me distrair. Esse fim de semana vai ser corridíssimo por conta do vestibulinho do CEUE. Tô achando excelente pois cabeça sem ter o que fazer de útil só faz e pensa besteiras. Vou dar uma trabalhadinha pois uma campanha de banners me aguarda. Foi...Iris foi.

Postagens relacionadas

4/ 5
Oleh

Assine via e-mail

Por favor inscreva-se para receber as ultimas postagens no e-mail.